You fuckin’ luv me just because I’m black!

5 11 2008

E dai que o assunto é o mesmo do post anterior?

Este blog é que nem merenda de escola pública brasileira chinfrin. Se hoje você come carne, amanhã é strogonoff, depois de amanhã carne moída e depois sopa. DIGA NÃO AO DESPERDÍCIO e este assunto reeeende que é uma beleza.

Eu não confio que o Barack Obama seja tudo o que imaginamos que seja, mas uma coisa é fato. Ele não é a favor do Bush e neste momento isso basta para todos nós!

Espero que realmente ele venha com uma mudança, e que seja maior do que a cor e a descendência do novo presidente da maior potência mundial e, conseqüentemente, do homem mais poderoso do mundo e detentor do botão da bomba atômica.

Eu acho que no fundo, mais do que mudanças, o planeta Hollywood precisava mesmo era de esperança, esperança de que um dia tudo melhore, mesmo que isso signifique ir contra alguns dos próprios conceitos os quais eles mesmos acreditam mas ainda não perceberam que é completamente irracional e estúpido, mas até ai beleza.

Eu entrei na Obamania, não posso mentir. Sexta-feira quero beber ObaMartinis (HÁ, SERGINMALÁN!) e comemorar sua vitória.

Agora fica a esperança de, em 2048, seja eleito o primeiro presidente dos EUA naturalizado, com raízes brasileñas si señor e viado. QuenTim Burton vai dominar a América, babe!

E que venham os comentários ácidos. A gente adora despertar a ira dos debilóides!!!

Mr. President

Mr. President

Beijosmeelege

Anúncios